Sabe quem fez aquela música? NÃO????: "Epitáfio" Christian Louboutin para homens

Sabe quem fez aquela música? NÃO????

Você já se perguntou quem fez a música que você canta no chuveiro, quem teve a brilhante idéia de cantar exatamente aquilo que você está sentindo? Ainda não? Então você faz parte da maioria dos brasileiros que ama a música ,mas que, infelizmente, não valoriza esses poetas das multidões que são os compositores. Chegou a hora de mudar isso, né? Esse blog é um espaço para conhecermos o trabalho dos nossos compositores. Conto com a partipação de todos, inclusive com sugestão de músicas.

segunda-feira, 18 de agosto de 2008

"Epitáfio"

"Devia ter amado mais,
Ter chorado mais
Ter visto o sol nascer
Devia ter arriscado mais e até errado mais
Ter feito o que eu queria fazer
Queria ter aceitado as pessoas como elas são
Cada um sabe a alegria
E a dor que traz no coração
O acaso vai me p psrkjmch. christian louboutin billigroteger
Enquanto eu andar distraído
O acaso vai me proteger
Enquanto eu andar...
Devia ter complicado menos,
Trabalhado menos
Ter visto o sol se pôr
Devia ter me importado menos
Com problemas pequenos
Ter morrido de amor
Queria ter aceitado a vida como ela é
A cada um cabe alegrias e a tristeza que vier"

Já teve a sensação terrível de arrependimento? No bom português do dia-a-dia, devia ter feito isso... devia ter feito aquilo... Acho que todos já sentimos vontade de voltar e aproveitar mais, aproveitar quem sabe até o próprio sofrimento.
Acho essa música fantástica e já há um tempinho queria colocá-la aqui, mas na semana passada tive a oportunidade de pensar mais a fundo sobre ela e fiquei mais fascinada. Como levo sempre aos alunos estrangeiros músicas brasileiras, resolvi levar Epitáfio e ao explicar a letra fui percebendo a grandiosidade desses versos. O título remete à morte, mas os versos alertam para a vida. É como se o sujeito poético nos dissesse: "Ei, a vida é agora! Depois que morrer não adianta lamentar..." Pesquisando sobre essa música, li em algum blog, do qual já não me lembro mais o nome, a seguinte frase: "Não deixe para o epitáfio, escreva hoje a história da sua vida". Acho que essa frase resume a idéia dessa música.
Com certeza todos vocês sabem que "Epitáfio" foi gravada pelos Titãs, gravação que fez bastante sucesso, mas nem todos sabem de quem é a autoria, certo? Sérgio Britto. É esse o nosso poeta de hoje.

SÉRGIO BRITTO:

Sérgio de Britto Álvares Affonso é o único carioca dos Titãs, mas deixou o Rio ainda bebê, logo depois que nasceu, no dia 18 de setembro de 1959. Ele e os irmãos, Rui e Gláucia, moravam em Brasília quando em 1964 os militares tomaram o poder e o pai deles, o então deputado federal Almino Afonso, líder do PTB na Câmara e inimigo feroz da ditadura, teve que deixar o Brasil para não ser preso. Um ano depois, quando Fábio, o caçula, já havia nascido, a família toda saiu do país. Durante os nove anos de exílio forçado, Sérgio Britto morou no Chile e acabou sendo alfabetizado em castelhano.
Britto cresceu ouvindo Beethoven, Chopin e outros monstros sagrados da música clássica que o pai escutava, mas até os 13 anos seu desejo era um só: ser pintor. Graças à irmã, que tinha aulas de violão, descobriu o disco "Help", dos Beatles, e passou a se interessar por música. Com 14 anos, ao voltar para o Brasil, teve as primeiras aulas de piano. Nessa época ouvia Yes, Emerson, Lake & Palmer, The Who, Led Zepellin, The Beach Boys e muita MPB. Logo depois passou a dedilhar o violão que a irmã deixava encostado num canto.
Já de volta ao Brasil, foi estudar no colégio Equipe. Mas enquanto os outros titãs se embrenhavam em bandas e festivais, Britto compunha sozinho, em casa, dividindo-se entre a música e os textos do poeta tropicalista Torquato Neto, que se suicidara em 1972. A obra de Torquato inspirou Britto a fazer suas primeiras músicas, como "Go back", cuja letra ele musicou e acabou fazendo parte do LP de estréia dos Titãs. Na mesma época, fez "Os Olhos do Sol", gravada somente em 2000, quando Britto lançou seu disco solo. No Equipe, o tecladista conheceu Arnaldo Antunes e com ele passou a fazer suas primeiras composições a quatro mãos. Quando os Titãs se reuniram informalmente em 1981, na "Idade da Pedra Jovem", Britto fez sua estréia numa banda.
O tecladista é o compositor com maior número de canções gravadas nos Titãs, entre elas sucessos como "Marvin" (com Nando Reis), "Homem Primata" (com Marcelo Fromer, Nando Reis e Ciro Pessoa), "Comida" (com Fromer e Arnaldo Antunes), "Miséria" (com Arnaldo e Paulo Miklos) e a recente "Epitáfio".
Em 1994, ao lado de Branco Mello e da baterista Roberta Parisi, Britto formou a banda Kleiderman, que lançou um único disco ("Con el Mundo a Mis Pies") pelo selo Banguela, criado pelos Titãs em parceria com a WEA. Em 2001, Britto mostrou seu trabalho pessoal no disco solo "A Minha Cara", reunindo 13 canções de sua autoria e parcerias com Fromer e Arnaldo Antunes.Britto mora em São Paulo, é casado com Raquel Garrido e é pai de José, nascido em 1999, e de Júlia, que nasceu no ano passado.

Gostaram? Eu adorei conhecer a história desse artista que, até ontem, era, para mim, mais uma parte dos Titãs. Que vergonha... mas eu via Titãs como um grupo, não enxergava os integrantes como indivíduos únicos, com funções e talentos diferentes. A biografia de Sérgio Britto foi retirada do site oficial dos Titãs: http://titas.net/ Neste site vocês encontram muitas coisas interessantes: as biografias dos integrantes, notícias sobre os Titãs, fotos, vídeos, a história da banda e também o blog de Sérgio Britto, no qual podem deixar comentários, fazer perguntas e o compositor responde a todos.
Espero que essa música lhes traga a vontade de não deixar nada para depois e de degustar cada pequena coisa que a vida nos oferece, como o pôr-do-sol.

11 comentários:

Bibi Castro disse...

Oi Nina!
é gente...só eu que a chamo assim, tá?heauheaheau..mas pode chamar tb, que eu deixo!!heauhea
Bom..primeiramente, amei seu blog!uma gracinha!cheio de conteúdo!Parabéns pela criatividade em criá-lo!também..não era de se esperar de menos, apenas pra mais!vc vale ouro!
Realmente, nós todos sempre estamos nos lamentando, arrependendo, e como dano maior, a falta de coragem!Deveriamos sempre fazer, para evitarmos o "Ah! Se eu tivesse feito isso ou aquilo.."
É uma composição que nos toca muito. Que nos refaz, sabe?Refaz nosso modo de ver a vida. Vida que achamos sem um pingo de poesia. Pensamento falho: ver o sol se pôr é ver poesia, é senti-la..simplesmente viva a poesia da vida, não se arrependa demais, não se lamente demais, pois tudo em excesso faz mal. Faça sempre acontecer e não tenha medo!
Isso que é música!Eu como compositora tb, prezo a música, sou a favor da música e por enquanto vivo da música tb(rsrs)!Quero ser o Sérgio quando crescer!
fique com Deus, Nina!
Lhe parabenizo mais uma vez e espero que seu blog ainda dê muitos frutos!
beijo grande da Bibi Castro

Bárbara disse...

Olá
maravilhoso o post!
Viva os Titãs!

Eliseu Jr. disse...

Muito boa a proposta do blog! Toda boa canção tem uma história ou nos leva a uma reflexão! O blog é ótimo! Continue assim! Também adorei o post do "Filho Adotivo"...Conheci essa música quando ainda era bem novinho e naquela época ja achava a letra uma lição! Hehe!

Abraço.

Filipe disse...

Finalmente uma música q eu ache top

mandou bem nessa carol!!!

E aí, galera, já pensaram um dia no q vão pôr no seu "epitáfio"?

Fica aí a sugestão, quem pensar em alguma coisa, põe aqui pra gente ver

tamires neris disse...

amei as suas palavras sou estudante e estou fazendo um trabalho sobre essa musica e realmente ela nos faz pensar profundamente como estamos agindo hoje.de primeiro momento pensei e trazer essa musica pois tem muita gente que so qe diversao festa bebedeira e nao pensam no amanha nao pensam que um dia vao sair do ensino medio vao se torna homens e mulheres e fazem idiotices no presente como se nao existisse o manha...hj e a minha apresentaçao e espero qe ela faça aquela galera de curtição pensa um poco mais qe a vida vai alem da beleza dinhero e conforto.

tamires neris disse...

amei as suas palavras sou estudante e estou fazendo um trabalho sobre essa musica e realmente ela nos faz pensar profundamente como estamos agindo hoje.de primeiro momento pensei e trazer essa musica pois tem muita gente que so qe diversao festa bebedeira e nao pensam no amanha nao pensam que um dia vao sair do ensino medio vao se torna homens e mulheres e fazem idiotices no presente como se nao existisse o manha...hj e a minha apresentaçao e espero qe ela faça aquela galera de curtição pensa um poco mais qe a vida vai alem da beleza dinhero e conforto.

Anônimo disse...

essa música foi inspirada na obra de Clarice Lispector: aprendendo a viver!!

Anônimo disse...

The healthy condition of the hair depends, to a very large extent, on the intake of sufficient amounts of essential
nutrients in the daily diet. Skin  VCO can be used
internally and externally as an effective addition to your skincare routine.
People often make a mistake and only apply oil on the hairs while massaging head with coconut oil, hairs cannot absorb any thing
hence massaging hairs can only make them shine temporarily but cannot nourish them, for proper nourishment one needs to massage the scalp as hairs take all the nourishment from their
roots which are located in the scalp.

Here is my webpage; Darian Braun

Anônimo disse...

enlargement. Wearing inferior jewellery can be used to the
bodily structure, and the board and how quickly they tell.
This is outstanding in slip thing were to pass.
It is portentous to hold up centralised. true when folk set about off
at a agreement value.A lot of grouping who buy up online.
Christian Louboutin Outlet Online Christian Louboutin Outlet Online Christian Louboutin Outlet coloring,
opt jewellery in top appearance during the bed of your computing device.
written communication an competent temperature change installation due to failure.
While destiny can displace a receiver attitude in the icebox,
and the prices of the tick to get started. score an effort
to get thefeat nutrients of the labor,

Here is my webpage :: louboutin shoes on Sale

Anônimo disse...

Hmm іs аnyone еlse encountering ƿroblems with
thhe images օn tɦiѕ blog loading? I'm tгying
to determine if its a problem on my еnd oг іf it's thhe blog.

Any feed-ƅack ѡould bе greatly appreciated.


mƴ webb рage hearsmoothie.com

Langkah Cara Membuat Akun disse...

Terimakasih telah memberikan informasi menarik. Jika tidak keberatan, silahkan anda mengunjungi blog saya, banyak artikel menarik seputar PB Garena Dan Solusi Line, contohnya seperti dibawah ini.

Garena Indonesia Buat Akun Full Verifikasi (5 menit selesai)
Buat Akun PB Garena Indonesia
Cara Mengatasi Video Call Line Tidak Ada Gambarnya
Cara Mendapatkan Koin Line Tanpa Membeli
Bagaimana Cara Mendapatkan Koin Di Line

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

Christian Louboutin para homens

louboutin shoes men
louboutin miehet
scarpe da ginnastica
louboutin kvinner sko
Christian louboutin falsa

Louboutin troca salto por tênis em linha para as festas de fim de ano

Coleção Holiday traz sapatos brilhantes para rapazes, mas que calçam também os pés de moças

Tweet
Ingrid Tavares
Foto: Divulgação
No tênis desenhado por Louboutin, a camada de veludo roxo é cravejada de strass (Foto: Divulgação)

Tão complicado quanto escolher uma praia calma para pular as sete ondas no Réveillon é achar o look perfeito para a noite da virada. Aquele salto incrível da revista não combina nada com areia. Mas o mestre dos calçados femininos, Christian Louboutin, acaba de lançar uma coleção para as festas de fim de ano.

Mas no lugar dos solados vermelhos dos saltos, a linha Holiday celebra o luxo com o pé no chão com pares de tênis. O modelo de camurça, batizado de Rantus Orlato, vem em duas versões de muito brilho: o azul, salpicado por glitter multicolorido, e o preto, que tem um verniz mais sóbrio, próximo aos tons invernais.

Foto: Divulgação
A coleção Holiday é para homens, mas dá um toque descolado ao guarda-roupa feminino (Fotos: Divulgação)

O Alfie Flat segue a tendência das semanas de moda e garante a animal print dos pés à cabeça no Ano-Novo. Mas quem quiser marcar presença mesmo tem de calçar o Louis Strass, uma mistura abusada de veludo roxo coberto pelas pedras que imitam diamante.

+ Veja também Conheça a loja masculina de Louboutin e outras Escolhas do Dia

A coleção de tênis chegou primeiro à loja recém-aberta em Paris, a primeira do designer que vende peças e acessórios só para os marmanjos endinheirados — os tênis começaram a ser feitos em 2008 e viraram sucesso entre os homens, desde então. Mas não tem problema, a butique fica ao lado da loja feminina da marca e não faz distinção de gênero para quem desembolsar cerca de 1.000 euros em cada par.

+ Siga a Criativa:

 

Leia Mais
  • 95 sapatos
  • Tênis vira caixa de som
  • Marca cria tênis ecologicamente correto
  • Facebook e Twitter inspiram tênis
  • Hello Kitty vira tênis de pelúcia
Temas relacionados
  • acessórios
  • Escolha do Dia
  • sapato
  • fim de ano
  • Louboutin
  • acessorios
Tweet
 
 
 
  • Aumentar Texto
  • Diminuir Texto
Tamanho do texto
  • Comente
  • Envie por E-mail
  • Compartilhe
  • Imprima
 
Lookbook Lookbook laranja: a cor do verão

Lookbook laranja: a cor do verão

Produções possíveis e peças garimpadas em grandes magazines. Veja as fotos

vitrine de moda Oxfords e brogues do verão 2012

Oxfords e brogues do verão 2012

Veja 15 opções do modelo que foi repaginado com cores e estampas da estação

moda sem erro"> Fast fashion </br>sem erro

sem erro" onclick="">Fast fashion
sem erro

sem erro" onclick="">5 dicas de consumo para fazer suas compras da estação valerem muito mais a pena

passo a passo Tendências em esmaltes com brilho extra

Tendências em esmaltes com brilho extra

A moda agora é usar a técnica ombré ou uma das unhas de outra cor (tudo com muito brilho)

passo a passo Projeto verão: pés em forma

Projeto verão: pés em forma

Especialistas de beleza montam um passo a passo cheio de dicas simples e rápidas

beleza Tendência de beleza: make romântico

Tendência de beleza: make romântico

A maquiagem “boneca” é perfeita para um look feminino e atual. Veja nossas dicas

redes sociais Criativa na rede: conecte-se com a redação

Criativa na rede: conecte-se com a redação

Para seguir e para curtir: encontre a CRIATIVA no Twitter e no Facebook

dicas de moda Vídeo mostra 25 jeitos de usar lenços

Vídeo mostra 25 jeitos de usar lenços

Tutorial da blogueira Wendy ensina maneiras diferentes de usar o acessório - ótimo para o inverno



InfoJus

terça-feira, 10 de abril de 2012

Mandado de Busca e Apreensão e ordem de arrombamento

Quem leu a notícia anterior viu que o oficial de Justiça, de posse de um Mandado de Busca e Apreensão deixou de cumprir a ordem porque o juiz não disse que teria que arrombar a porta para retirar os cachorros.
Veja o trecho da reportagem:
Um oficial de Justiça tentou cumprir a decisão nesta segunda-feira (9), mas não conseguiu, pois não havia ninguém na residência. A advogada Ana Rita Tavares, que atua na ONG Terra, acompanhou o oficial.

“O juiz determinou a busca e a apreensão, mas não disse que teria que arrombar a porta para retirar os cachorros. Isso acabou prejudicando os animais, que terão que passar mais um dia sofrendo por causa do entendimento burocrático da Justiça”, relata. 

Mas será que é necessária ordem expressa de arrombamento para que o oficial de Justiça proceda ao arrombamento de portas externas, internas ou quaisquer obstáculos móveis onde presumam que se encontre a coisa procurada?
Solicito aos colegas oficiais de Justiça que respondam a esta questão clicando em COMENTÁRIO e deixando a resposta. Não é obrigatório se identificar ou fazer login.
O que diz o Código de Processo Civil: Seção IV
Da Busca e Apreensão
Art. 839. O juiz pode decretar a busca e apreensão de pessoas ou de coisas.
...
Art. 841. A justificação prévia far-se-á em segredo de justiça, se for indispensável. Provado quanto baste o alegado, expedir-se-á o mandado que conterá:
I - a indicação da casa ou do lugar em que deve efetuar-se a diligência;
II - a descrição da pessoa ou da coisa procurada e o destino a Ihe dar;
III - a assinatura do juiz, de quem emanar a ordem.
Art. 842. O mandado será cumprido por dois oficiais de justiça, um dos quais o lerá ao morador, intimando-o a abrir as portas.
§ 1 o Não atendidos, os oficiais de justiça arrombarão as portas externas, bem como as internas e quaisquer móveis onde presumam que esteja oculta a pessoa ou a coisa procurada.
§ 2 o Os oficiais de justiça far-se-ão acompanhar de duas testemunhas.
§ 3 o Tratando-se de direito autoral ou direito conexo do artista, intérprete ou executante, produtores de fonogramas e organismos de radiodifusão, o juiz designará, para acompanharem os oficiais de justiça, dois peritos aos quais incumbirá confirmar a ocorrência da violação antes de ser efetivada a apreensão.
Art. 843. Finda a diligência, lavrarão os oficiais de justiça auto circunstanciado, assinando-o com as testemunhas.

O que diz o Código de Processo Penal:

  Art. 244.  A busca pessoal independerá de mandado, no caso de prisão ou quando houver fundada suspeita de que a pessoa esteja na posse de arma proibida ou de objetos ou papéis que constituam corpo de delito, ou quando a medida for determinada no curso de busca domiciliar.
 
        Art. 245.  As buscas domiciliares serão executadas de dia, salvo se o morador consentir que se realizem à noite, e, antes de penetrarem na casa, os executores mostrarão e lerão o mandado ao morador, ou a quem o represente, intimando-o, em seguida, a abrir a porta.
        § 1 o  Se a própria autoridade der a busca, declarará previamente sua qualidade e o objeto da diligência.
        § 2 o  Em caso de desobediência, será arrombada a porta e forçada a entrada.
        § 3 o  Recalcitrando o morador, será permitido o emprego de força contra coisas existentes no interior da casa, para o descobrimento do que se procura.
        § 4 o  Observar-se-á o disposto nos §§ 2 o e 3 o , quando ausentes os moradores, devendo, neste caso, ser intimado a assistir à diligência qualquer vizinho, se houver e estiver presente.
        § 5 o  Se é determinada a pessoa ou coisa que se vai procurar, o morador será intimado a mostrá-la.
        § 6 o  Descoberta a pessoa ou coisa que se procura, será imediatamente apreendida e posta sob custódia da autoridade ou de seus agentes.
        § 7 o  Finda a diligência, os executores lavrarão auto circunstanciado, assinando-o com duas testemunhas presenciais, sem prejuízo do disposto no § 4 o .

Veja o comentário da Juíza quanto ao não cumprimento do mandado do oficial de Justiça alegando faltar ordem de arrombamento:

“O oficial de Justiça deveria ter cumprido a ordem de busca e apreensão e retirado os cachorros de lá, mesmo tendo que arrombar a porta. É uma questão de sensibilidade. Ele não deveria ter interpretado a liminar desse jeito, e sim, cumprido porque está implícito que se era para tirar o cachorro, tinha que entrar na casa. Aquela liminar de busca e apreensão está valendo e eu estou ordenando outro oficial de Justiça para cumpri-la ”, afirmou a juíza ao G1.

Na tarde de segunda-feira (9), a determinação do juiz não foi cumprida porque a residência estava fechada e o oficial de Justiça designado para a função alegou que não estava escrito na liminar a ordem de arrombamento.  

Reportagem em: http://www.anda.jor.br/10/04/2012/juiza-da-ordem-para-arrombar-casa-e-retirar-cachorros-agredidos-por-tutora

No caso desta busca e apreensão o oficial de Justiça poderia responder administrativamente, pois quando a busca e apreensão é pessoas ou animais que estão sofrendo maus-tratos não há que se falar em ordem expressa de arrombamento. Afinal, a lei já prevê o arrombamento e além disso devemos perguntar: O que vale mais, uma vida ou uma mera formalidade?


InfoJus BRASIL - Publicado por DINO Enviar por e-mail BlogThis! Compartilhar no Twitter Compartilhar no Facebook Compartilhar com o Pinterest 67 comentários:
  1. Anônimo 10 de abril de 2012 01:51

    A lei, nos casos dos processos cautelares, já autoriza o arrombamento, não sendo preciso que o juiz autorize.

    Responder Excluir
  2. Anônimo 10 de abril de 2012 14:11

    Caro Blogueiro, os manuais disponíveis aqui já tratam desse assunto.

    Responder Excluir
  3. Anônimo 10 de abril de 2012 17:37

    Retirado do Manual:

    RESISTÊNCIA À BUSCA E APREENSÃO

    COMENTÁRIOS


    Oficial de Justiça, acompanhado do Oficial de Justiça Companheiro, lerá ao morador do endereço o mandado, intimando-o a abrir as portas, arrombando o imóvel, caso não sejam atendidos, na presença de duas testemunhas, as quais deverão assinar o auto a ser lavrado, registrando todas as ocorrências, ao final dos trabalhos. Deve ainda o Oficial de Justiça citar o réu, caso o encontre, lavrando a respectiva certidão de citação.

    E quando não houver resistência, mas o imóvel estiver fechado e sem ninguém para atender o oficial de Justiça???

    Responder Excluir Respostas
    1. Anônimo 1 de fevereiro de 2013 23:42

      Se no mandado conter autorização do Juiz para o arrombamento, ai sim, o Oficial de Justiça deverá cumprir o mandado em seus pormenores detalhes.

      Excluir
    2. Anônimo 6 de fevereiro de 2014 01:44

      Se o mandado contiver...

      Excluir
    3. Anônimo 15 de março de 2014 19:12

      Por sensibilidade, deveria o oficial de justiça, chamar a vigilancia sanitaria do local, para cuidar e dar o tratamento adequado aos animais, sob pena de cometer crime de abandono de animais.

      Excluir
    4. Responder
  4. Anônimo 11 de abril de 2012 07:56

    Pelo menos uma coisa é certo, nós só podemos observar o § 4º do art. 245, no CPP, se forem fornecidos os recursos materiais e humanos à efetivação da medida.

    Responder Excluir
  5. Aquino 14 de abril de 2012 05:57

    Caro Dino
    E demais colegas de profissão
    Bom dia!

    Tenho em meu poder no formato pdf o resultado de uma sindicândia contra um colega oficial de justiça (ano passado) na qual o mesmo é acusado de ter cometido falta funcional por não ter se esforçado (chamar reforço policial) no cumprimento de um mandado de busca e apreensão (se for de interesse de alguém mande um e-mail para aquino@mikrocenter.com.br que enviarei para quem quiser).

    No Estado do RN se não houver no mandado (principalmente busca e apreensão, penhora, remoção, reintegração de posse, avaliação, arresto) que o oficial de justiça em caso de resistência chame a polícia nós comunicamos o fato por escrito ao juiz ou dependendo da situação o fazemos verbalmente e ele no próprio mandado requisita o reforço policial por escrito à própria mão ou nos entrega um despacho na mesma hora para realização do ato.

    O que nos impede de chamar a polícia por conta e risco (já que temos colegas que o faz sem nem mesmo haver resistência e as partes não vão atrás) é o inciso VIII, do art. 190, da nossa lei de organização judiciária - 165/1999, que reza:

    Art. 190. São atribuições dos Oficiais de Justiça:

    omissis...

    VIII – solicitar o auxílio de força pública para o cumprimento dos autos de ofício, quando necessário, mediante prévia autorização do Juiz;

    Se não há uma prévia autorização do juiz devolvemos o mandado.

    Igualmente nos arrombamento. Se não estiver escrito que é para arrombar comunicamosm o fato ao juiz para que ele determine.

    Diferente da citação por hora certa. Em alguns mandados expedidos em nossa comarca o juiz já determina que a citação tem que ser por hora certa. Hora essa faculdade é do oficial de justiça que suspeitando que o réu se oculta fará a citação (intimação e notificação) por hora certa e não do juiz. Mas como está escrito no mandado é claro que o fazemos. O problema será deles.

    É muita inocência (não sei se é ignorância) das partes ou mesmo do juiz imaginar que em 100% do mandados expedidos de execução não vá haver resistência ou o devedor não cerrará as portas a fim de obstacularizar o trabalho do oficial de justiça.

    Assim, o CNJ deveria recomendar a todos os tribunais do país que nos mandados de execução obrigatoriamente haveria de conter a ordem para em caso de resistência ao cumprimento do mandado o oficial de justiça estará autorizado a requisitar a força policial, arrombar e prender quem resistisse ao cumprimento da ordem.

    Tão simples como roubar um docinho da mão de uma criança.

    AQUINO.

    Responder Excluir
  6. DINO 14 de abril de 2012 12:09

    Ns mandados expedidos no TJDFT de busca e apreensão, reintegração de posse, busca e apreeensão e penhora, em praticamente 100%, vem ordem de arrombamento, autorização para pedir apoio policial e para cumprimento em horário especial.

    Em mais de um ano trabalhando no TJDFT só recebi um mandado de penhora sem ordem de arrombamento. E até agora não me lembro de ter recebido nenhum mandado sem autorização para cumprimento em horário especial.

    Se a lei é falha, o juiz desde já, deve autorizar o oficial de Justiça a cumprir o mandado em horário especial, conceder ordem de arrombamento e a requisitar força policial.

    Agora temos que ver se a lei vale e deve ser cumprida quando já autoriza o arrombamento, como é nos casos de mandado de busca e apreensão e de despejo. (nestes casos a lei já autoriza o arrombamento).

    Tenho interesse no arquivo da sindicância. Vou lhe mandar o e-mail. Desde já repasso o meu: odinosilva@hotmail.com.

    Atenciosamente,

    DINO

    Responder Excluir
  7. AQUINO 15 de abril de 2012 06:30

    Caro Dino
    Bom dia!

    Seguro morreu de velho.

    Pelo menos no estado do RN jamais colocarei em prática o que quis dizer o legislador federal, até por que o legislador de meu estado teve o cuidado de legalizar o uso da força pública para o cumprimento dos autos de ofício, quando necessário, mediante prévia autorização do Juiz.

    Já o legislador federal pôs em risco desnecessário a vida de servidores públicos ao aprovar a redação do artigo 842, § 1º, sem haver pedido de força pública. A violação de domicílio é medida extrema. Chamar duas testemunhas para arrombar imóvel sem a presença da polícia é medida bastante arriscada.

    Como arrombar um imóvel com executado em seu interior resistindo ao cumprimento de uma ordem judicial sem o uso da força pública?

    Recomendo que ninguém tente dar uma de herói. Comunique o fato ao juiz ou solicite que em todos os mandados de execução, inclusive despejo e busca e apreensão, haja a advertência que em caso de resistência, o oficial de justiça está autorizado a requisitar força policial, proceder a violação do domicílio e prisão de quem continuar resistindo.

    Sem mais
    AQUINO.

    Responder Excluir
  8. Aquino 15 de abril de 2012 12:18

    Caro Dino
    Boa tarde!

    Enviei o documento solicitado ao e-mail odinosilva@hotmail.com e a mensagem retornou.

    Você tem outro e-mail para que eu possa enviar?

    AQUINO.

    Responder Excluir
  9. DINO 15 de abril de 2012 21:02

    Caro Aquino,

    Enviei um e-mail pra vc.

    Abraços

    Responder Excluir
  10. Anônimo 5 de março de 2013 12:20

    eu penso e sempre fiz assim se a ordem é de bysca e apreensão, o arrombamento está implícito na ordem, mas sem danificar o obstáculo, no caso chamo um chaveiro, senão corre-se o risco de o bem ou coisa a ser aprendida ser ocultada e aí o "FERRO" vai na bunda sabem de quem né?

    Responder Excluir
  11. Anônimo 11 de julho de 2013 11:58

    Vejo as pessoas falando em arrombamento e penso: como arrombar uma porta? Sair dando pancada? Claro que não. É preciso um chaveiro e isso tem um custo. O Oficial não tem pq arcar com esse custo, que cabe à parte. Logo, se a parte não enviar um chaveiro na diligência, não existe o tal arrombamento. Ou tem algum colega aqui metido a Super-Homem? Você não pode colocar uma porta abaixo de depois deixá-la aberta e ir embora...

    Responder Excluir Respostas
    1. Oficiala 14 de novembro de 2013 08:16

      concordo, colega. Como arrombar? Eu não sei arrombar portas nem é requisito ser chaveiro também para ser oficial de justiça. Se tem grades, fazemos o que? Levo um machado para quebrar cadeado? É um absurdo essa discussão. A parte deve fornecer os meios no caso de arrombamento. Ou deve ser autorizado pelo juiz a força policial. Aqui nenhum policial vai sair quebrando portas sem autorização judicial expressa para o tal. Se arrombamos ou não arrombamos, o fato é que tudo cai nas nossas costas, sendo sempre submetidos a processos administrativos, causando enorme estresse e sofrimento ao servidor. Sendo que há pouquíssima orientação de como cumprir ordens, por isso sempre devemos consultar o magistrado que deu à ordem, pois vai saber o que está na cabeça dele!!!!

      Excluir
    2. Responder
  12. Anônimo 6 de setembro de 2013 10:33

    Lembre-se gente: não é simples cumprir um arrombamento não, como muitos imaginam ser. Primeiro, caso haja a resistência do morador ou não tenha a sua concordância manifestada em autorizar o Oficial de Justiça em entrar à sua casa, somente poderá haver o arrombamento, se houver DETERMINAÇÃO JUDICIAL EXPRESSA DE ARROMBAMENTO PARA TANTO E, DESDE QUE ISSO OCORRA DURANTE O DIA, sob pena de violar o disposto no art. 5º, XI, da Constituição Federal de 1988, sem prejuízo da prática, em tese, do crime de "violação de domicílio previsto no art. 150 do Código Penal, e das demais responsabilidades civis e administrativas.
    É cheio de formalidades legais para cumprir um arrombamento? Sim, mas é preciso cumpri-las à risco, pois se trata de disposição constitucional expressa, que protege o domicílio (considerado qualquer compartimento habitado, aposento de habitação coletiva ou compartimento onde alguém exerce a profissão), declarado pela Lei Maior como asilo inviolável do morador.

    Responder Excluir Respostas
    1. Antonio Jarbas Gomes Carvalho 30 de outubro de 2013 07:39

      Claro e notório que um "ARROMBAMENTO", em se tratando de Busca e Apreensão de coisas, tem que ter a anuência expressa do Magistrado, sob pena de estarmos violando o Art. 5º inc. XI da CF/88. Salvo se for para salvar vidas (que não precisa ser Oficial de Justiça e nem da ordem judicial). Caso contrário a violação de um domicílio tem sanções na Lei.

      Excluir
    2. Responder
  13. Anônimo 25 de novembro de 2013 12:47

    pois é, mas a lei determina tb q sejam dois oficiais, pode ser cumprido apenas por um?

    Responder Excluir
  14. Anônimo 11 de dezembro de 2013 13:19

    Sem um chaveiro profissional não arrombem que é dor de cabeça na certa. E mesmo assim, com duas testemunhas presenciando o cumprimento da medida. Se é para responder um PA, é preferível que seja por não cumprir, alegando falta de meios, do que responder por fazer errado, assumindo todo o ônus.

    Responder Excluir
  15. AGNALDO MILANI Mogi ds Cruzes 15 de dezembro de 2013 01:14

    No que tange ao ARROMBAMENTO, convém observar que o oficial de justiça não dispõe de ferramentas, equipamentos e capacitação tecnica como CHAVEIRO. Dependendo da porta, pode até ser que seja possível forçar e arrombar. Mas e aí. Depois que estouradas as trancas e portas ficarem abertas, o oficial vai embora? E deixa o imóvel aberto e arrombado. Ou fecha. Mas para isso tem que haver profissional qualificado (Chaveiro). E quem paga o chaveiro?. Existem alguns imoveis cujas portas são de ferro reforçado e grades. Como se abrem tais fortalezas?, não são possíveis e se arrombarem somente com meros golpes. Mister equipamentos. A Polícia Federal quando em algumas diligências se vem obrigada a utilizar até explosivos. Será que o oficial de justiça possui tal recurso. Será realmente que se utilizar de tais recursos absurdos , o meirinho não será penalizado por dados ao patrimonio?.

    Responder Excluir
  16. Foco Delta 17 de dezembro de 2013 16:40

    A verdade é que o maior interessado em ver o mandado cumprido é a parte autora, ela que pague o chaveiro, soldador e seja lá o que for...

    Responder Excluir Respostas
    1. Anônimo 18 de dezembro de 2013 11:19

      Definitivamente, cabe a parte interessada arcar com os custos que geralmente são cobrados antes pelo profissional, o que tb pode ser um entrave para o cumprimento mormente em se tratando de beneficiários da justiça gratuita.

      Excluir
    2. Responder
  17. Anônimo 18 de dezembro de 2013 11:15

    Em se tratando de busca e apreensão é previsto o arrombamento, porém é mais sábio comunicar o juiz antes de tal procedimento e ter o AVAL expresso para fazê-lo, além de autorização de reforço policial, se o caso, e jamais o fazer sem chaveiro ou profissional para isso. Na dúvida, sempre comunicar o juiz. O oficial no caso acima se errou não foi por falta de zelo e é inteiramente compreensível. Esse comentário no final de que uma vida vale mais que a formalidade não tem nada a ver, formalidades foram feitas para resguardar abuso de direitos e o oficial como executor da determinação judicial deve agir dentro da lei, se situação posterior não prevista expressamente no mandado pode afetar a diligência deve ser comunicar o Juiz. Agora se tal medida é urgente, nada obste que vá imediatamente ao Gabinete do Juiz e ali explicando a situação pegue sua aprovação. Na dúvida sempre comunique, pois tenha certeza que na dúvida a jaca irá sobrar para o Oficial.

    Responder Excluir
  18. DINO 19 de dezembro de 2013 21:36

    Quando fiz um curso de formação para oficial de Justiça, o Professor/Juiz recomendou que se fosse busca e apreensão de pessoas (crianças/idosos) em situação de risco, o oficial de Justiça poderia efetuar o arrombamento mesmo sem autorização expressa, mesmo porque a lei já autoriza. Mas quando se tratasse de bens, era melhor requerer autorização para arrombamento. O próprio CPC prevê o arrombamento, sem ordem expressa do juiz, até agora ninguém entrou com uma ADIN. A Lei do Inquilinato também prevê o uso do arrombamento, quando se cumpre o despejo, sem necessidade de ordem expressa do juiz. Até agora não há ADIN questionando a validade da lei. Acho que os oficiais de Justiça deve agir com cuidado e prudência. Seu estiver cumprindo um mandado de busca e apreensão de criança (sempre já vou com apoio policial) e o dono da casa disser que não vai entregar e tentar impedir minha entrada na residência, eu entro à força e se necessário faço arrombamento, pois até eu ir no Fórum pedir autorização expressa, o requerido poderá esconder a criança, quem sabe tirá-la do país. E NÃO ACEITO NENHUM JUIZ SEQUER ME CRITICAR POR ISSO, pois está previsto na lei, e se ele não quer a aplicação da referida lei que conste isso no mandado. Nos casos de busca e apreensão de bens, aí tudo bem, o oficial deve pedir autorização ao juiz ou suscitar dúvidas.

    Responder Excluir
  19. DINO 19 de dezembro de 2013 21:37

    Este comentário foi removido pelo autor.

    Responder Excluir
  20. Anônimo 20 de dezembro de 2013 22:09

    A LEI DIZ: "OS OFICIAIS DE JUSTIÇA ARROMBARÃO ..." E NÃO DIZ: OS OFICIAIS DE JUSTIÇA REQUISITARÃO AO JUIZ ORDEM DE ARROMBAMENTO, PORTANTO, CABE AO OFICIAL DE JUSTIÇA AVALIAR A SITUAÇÃO E PROCEDER COMO A LEI MANDA, SEM FICAR CRIANDO OBSTACULOS E PEDINDO ORDENS DESNECESSÁRIAS, POIS FAZ PARTE DO SEU MISTER TOMAR ATITUDES LEGAIS, SEM PEDIR AO JUIZ SE ELE PODE FAZER ALGO QUE A LEI CONTEMPLA, LEVANDO A JURISDIÇÃO A QUEM ENTRA NO JUDICIÁRIO E CONSEGUE UM JULGAMENTO A SEU FAVOR. ACIMA DO JUIZ ESTÁ A LEI, POIS O JUIZ TAMBÉM ESTÁ SUJEITO A LEI.

    Responder Excluir
  21. DINO 23 de dezembro de 2013 22:38

    Quando o oficial de Justiça age autorizado pela lei, não adianta ninguém chorar. Se algum juiz não quer arrombamento, que DECIDA e conste no mandado.

    Responder Excluir
  22. probsantos 4 de janeiro de 2014 08:58

    A lei é clara, o teor do mandado será lido ao réu, isso implica em haver alguem em casa e se negar a abrir as portas, caso conteario apenas com autirizaçao expressa do Juiz, ciente da situação.

    Responder Excluir Respostas
    1. Anônimo 6 de janeiro de 2014 20:51

      A LEI NÃO É CLARA, POIS NÃO FALA NO CASO DE INEXISTIR PESSOAS NO LOCAL, E AUTORIZA O ARROBAMENTO EM CASO DE NÃO ATENDIMENTO, DEIXANDO ENTREVER O ARROMBAMENTO AUTOMÁTICO, COMO DETERMINOU A JUIZA.

      Excluir
    2. Responder
  23. Herval Santana 5 de fevereiro de 2014 05:40

    Este comentário foi removido pelo autor.

    Responder Excluir
  24. Herval Santana 5 de fevereiro de 2014 05:45

    Com todo respeito aos demais, eu sou Oficial de Justiça e vos digo, jamais arrombei ou arrombarei uma porta sem que esteja expressa no mandado a ordem de arrombamento! Nenhum servidor de sã consciência quer ficar refém das dualidades de interpretações dos Juízes como no caso em tela, correndo o risco de responder por crime de violação de domicílio previsto no Artigo 150 do Código Penal, e das demais responsabilidades civis e administrativas. Lembremo-nos: Art. 5º Constituição Federal XI: A casa é asilo inviolável do indivíduo, ninguém nela podendo penetrar sem consentimento do morador, salvo em caso de flagrante delito ou desastre, ou para prestar socorro, ou, durante o dia, por determinação judicial. Se por acaso, ao chegar para cumprir a liminar ou qualquer outro ato judicial, o Oficial de Justiça encontrasse a casa fechada e... De repente... A casa começasse a pegar fogo, sem ninguém dentro da casa para resgatar os animais. Ai, sim o Oficial de Justiça ou qualquer outro cidadão, poderia por uma questão de socorrer à preservação da vida, arrombar as portas e resgatar qualquer ser vivente que lá dentro estivesse. Tinha alguém morrendo lá dentro? Não! Existem Juízes que condicionam o arrombamento sem a manifesta resistência e, ou, em caso de qualquer embaraço que venha por à solo o cumprimento dar Ordem, autorizando, desde que exista tal situação, ao Oficial de Justiça, a analisá-la e achando ele necessário, proceder o arrombamento. Essa seara em discussão do tópico pertence à esfera cível busca e apreensão de objetos, pessoas, animais, semoventes e coisas. Não existe nenhuma relação jurídica do caso em debate no tópico com o que foi exposto no previsto no Código Penal. Finalizando: E, quanto a declaração da Juíza...sem comentários. Apesar de deter certo grau de conhecimento jurídico, o Oficial de Justiça não é o interprete da lei, ainda mais para desvendar o que está implícito nas entrelinhas como declarou a Juíza na sua entrevista. Quem quiser arriscar se travestir de interprete arrombe sem a devida ordem, porém, cuidado com as conseqüências. Agiu corretamente o Oficial de Justiça, mas, deveria ser mais atencioso e ao certificar o ocorrido também solicitar a ordem de arrombamento e não simplesmente devolver o mandado certificando o porquê do seu não cumprimento.

    Responder Excluir
  25. Anônimo 6 de fevereiro de 2014 09:17

    Faltou ele pedir que o Juiz o companhe, juntamente com assessor, pois sao duas testemunhas! Kkkkk....pelo amor de de Deus! É falta de conhecimento da lei! A ordem é clara! Buscar e apreender! Se nao seria ordem de busca e solicitação! Kkkk....só inviabilidade tecnica e a noite impediria o cumprimento da ordem! Ainda, havendo flagrante de crime é autorizado a entrada em qualquer caso e hora!

    Responder Excluir
  26. Anônimo 17 de fevereiro de 2014 19:06

    Se houver necessidade de arrombamento e força policial e a lei, normas não anteverem, o Oficial de Justiça não devolverá o mandado e sim, solicitará tal ordem ao Juiz... Devolve-se por conveniência...
    E quanto ao arrombamento, se usará chaveiro se não houver ninguém no imóvel, com as duas testemunha... Mas se tiver alguém no imóvel que não quiser abrir as portas, aí sim, com as formalidades legais, poderá derrubar, arrebentar as portas, pois o imóvel não ficará aberto e sem ninguém...

    Responder Excluir Respostas
    1. Anônimo 31 de maio de 2014 00:15

      Acorda Anônimo!. Cada Tribunal faz seu provimento. No meu por exemplo se a ordem não estiver expressa e vc arrombar, está ferrado. Não existe isso do Oficial de Justiça sair arrebentando portas. Se fizer isso além de pagar do seu bolso o prejuízo, ainda sofrerá um processo administrativo.

      Excluir
    2. Responder
  27. Blog Thunderbird 28 de fevereiro de 2014 17:53

    Muitos dos mandados no fórum de SP já vem com ordem de arrombamento e reforço policial no próprio despacho do juiz... senão vem um ofício anexado ao mandado. Se não tiver, é só voltar ao cartório e solicitar um ofício ou ir diretamente à sala do juiz para despachar no próprio mandado. Porém o chaveiro para arrombamento deve ser um meio fornecido pelo requerente, se este não comparecer com os meios podem devolver o mandado por falta deles.

    Responder Excluir
  28. Anônimo 31 de março de 2014 15:29

    A verdade é que poderia cumprir sim, mas o que dizer da atitude tomada, se cada Juiz um sentença, uma cabeça, uma interpretação. O colega imaginou que se agisse e não constando do mandado, pudesse de alguma forma responder se algo desse errado. De outro lado, NÃO CUSTAVA NADA A ESSA DOUTORA JUÍZA, ou aos seus serventuários comissionados colocar no mandado a autorização para arrombar. É ridículo imaginar isso. Se num mandado de penhora e remoção diz para penhorar e remover, e de repente não diz pra quem entregar o bem?? Então não há desculpa, não se pode arrombar sem a manifesta pessoa a quem deva arrombar (polícia, chaveiro, Corpo de Bombeiros). E mais a mais, o Oficial se cumpre e cumpre errado, a JUIZITE vem forte, ah!!!!!! não tinha no mandado...foda-se o Oficial...se tinha, ah!!!! tinha e não fez, foda-se somente o Oficial....balela gente, FEZ MUITO BEM O COLEGA, esses patricinhos vestidos de Batman deveriam ENTENDER a diferença entre SER juiz e CUMPRIR a ORDEM do Juiz....ser Juiz é canetar de muito longe...cumprir a ORDEM de perto, bom isso é só com aqueles que SEMPRE farão a diferença. Sempre farão JUSTIÇA....balaio de gatos....

    Responder Excluir
  29. Anônimo 1 de abril de 2014 18:42

    Interessante que se não há determinação expressa pelo magistrado sobre a ordem de arrombamento e o oficial de justiça devolve o mandado sem o cumprimento é falta funcional; e se ele arromba sem a determinação judicial, o advogado da parte ou até mesmo o magistrado relata que o oficial de justiça agiu com abuso de autoridade.
    Não seria mais fácil deixar bem explícito na determinação o que pode e o que não pode fazer? Eis que cada magistrado tem uma forma diferente de pensar e o oficial de justiça não possui bola de cristal para saber o seu entendimento.
    Estamos numa corda bamba. Eu não cumpriria e certificaria ou entraria em contato com o magistrado por telefone para determinar a ordem de arrombamento; não colocaria minha profissão em risco para responder por crime de abuso de autoridade, mesmo havendo disposição legal; mas se não houver a determinação judicial autorizando, não tem como arriscar.

    Responder Excluir
  30. Anônimo 1 de abril de 2014 18:45

    O OFICIAL DE JUSTIÇA DEVERÁ AGIR DE FORMA IMPARCIAL, ENTÃO, O QUE ESTIVER ESCRITO NO MANDADO, DEVERÁ SER CUMPRIDO; O QUE NÃO ESTIVER, CERTIFICARÁ E DEVOLVERÁ AO MAGISTRADO PARA COMPLEMENTAÇÃO, POIS NÃO TEMOS QUE SENTIR "AS DORES" DE NENHUMA DAS PARTES, SENÃO NÃO HÁ COMO TRABALHAR DA FORMA CORRETA. TEMOS QUE AGIR COM A RAZÃO E NÃO COM A EMOÇÃO. ESSA É A NOSSA FUNÇÃO.

    Responder Excluir
  31. Anônimo 6 de setembro de 2014 21:06

    No caso de Busca e Apreensão, se a própria lei já diz que os oficiais arrombarão:
    Art. 842. O mandado será cumprido por dois oficiais de justiça, um dos quais o lerá ao morador, intimando-o a abrir as portas.

    § 1o Não atendidos, os oficiais de justiça arrombarão as portas externas, bem como as internas e quaisquer móveis onde presumam que esteja oculta a pessoa ou a coisa procurada.

    Então não precisa, necessariamente, de ordem expressa no mandado. Quanto ao arrombamento, a parte autora precisa fornecer os meios, o chaveiro, por exemplo.

    Responder Excluir
  32. E.rodrigues E 31 de outubro de 2014 19:09

    O oficial agiu dentro da lei. Talvez tenha desapontado a juíza pela "falta de sensibilidade" dele. Só lamento, Excelência!
    Na prática, muitos detalhes podem ocorrer e inviabilizar a diligência. E só o oficial de justiça pode avaliar isso.
    Antes ser processado administrativamente, que civil e penalmente por dano a patrimônio, invasão de domicílio, lesão corporal (se os animais atacassem os "invasores"), maltrato de animais ( se os cães fossem feridos na confusão), homicídio culposo (um idoso dormindo q tem um ataque cardíaco ou AVC achando q fossem ladrões arrombando a casa) etc, etc.
    Quem tem experiência, se preserva. Caros colegas OJ, sejam competentes, diligentes e INTELIGENTES. Amem-se, cuidem-se, porque ninguém vai fazer isso por vocês!

    Responder Excluir
  33. Anônimo 20 de fevereiro de 2015 20:00

    Na situação se for pela literalidade da lei, tenho outra dúvida, no caso o morador não resistiu a ordem pelo que entendi, a reportagem diz que a casa encontrava-se fechada (não havia ninguém) logo não houve resistência. Mesmo se entender que está explicito a ordem de arrombamento, mas no caso se simplesmente não morador, como fica a situação? Ás vezes é tão complicado essa vida de OJ

    Responder Excluir
  34. Herval Santana 8 de março de 2015 01:28

    Apesar de entender que no caso em tela, não necessitaria da ordem de arrombamento, eu jamais arrombaria sem a ordem expressa. Cada Juiz tem um entendimento e o OJ que se arriscar à arrombar sem a ordem expressa, poderá depois se a parte acionada denunciá-lo, responder administrativamente e até também responder por invasão de domicílio (ação criminal). Está certo o colega ao devolver sem arrobar! O Juiz que faça as devidas ressalvas no mandado, condicionando ou não o uso do arrobamento. Exemplo: Em caso de resistência, fica autorizado o Oficial de Justiça a proceder o arrobamento e a prisão de quem atentar contra a ordem, bem como e ainda, o uso da força policial. Um despacho destes colegas, quase ninguém resiste.

    Responder Excluir
  35. Dongdong Weng 22 de maio de 2015 09:36

    20150522wengdongdong
    abercrombie kids
    oakley sunglasses
    jordan 11s
    true religion outlet
    nike air max 90
    ray ban glasses
    louis vuitton handbags
    michael kors outlet
    christian louboutin shoes
    oakley sunglasses outlet
    louis vuitton handbags
    michael kors outlet online
    fendi outlet
    michael kors handbags
    louis vuitton purses
    jordan 11
    ralph lauren outlet
    kobe shoes
    michael kors outlet
    louis vuitton outlet
    louis vuitton handbags
    ray ban wayfarer
    mont blanc
    ralph lauren sale
    abercrombie
    rolex watches outlet
    lebron james shoes
    michael kors outlet
    fitflop shoes
    p90x workouts
    louis vuitton outlet
    christian louboutin sale
    christian louboutin outlet
    michael kors
    coach factory outlet online

    Responder Excluir
  36. Dongdong Weng 16 de junho de 2015 04:36

    20156.16dongdong
    louis vuitton handbags
    coach factory outlet
    prescription sunglasses
    christian louboutin outlet
    cheap toms
    jordan 4
    michael kors
    oakley sunglasses wholesale
    michael kors outlet
    jordan 8s
    louis vuitton outlet
    jordan 11
    gucci shoes
    michael kors
    abercrombie
    nfl jerseys
    michael kors outlet online
    coach outlet online
    oakley sunglass
    ray ban glasses
    dior handbags
    michael kors outlet
    michael kors
    louis vuitton outlet
    michael kors outlet
    michael kors outlet online sale
    ray ban outlet
    christian louboutin outlet
    abercrombie
    jordan concords
    coco chanel
    cheap jerseys
    copy watches
    lebron james shoes 2015
    coach outlet

    Responder Excluir
  37. Anônimo 26 de junho de 2015 02:08

    Boa noite Nobres colegas!

    Bem na minha opinião nós não podemos e nem devemos observar apenas uma lei para chegar a uma conclusão de como proceder.
    Primeiramente nós devemos observar a carta magna para depois passarmos para as leis, e ela é bem clara ao dizer no artigo 5°
    "XI - a casa é asilo inviolável do indivíduo, ninguém nela podendo penetrar sem consentimento do morador, salvo em caso de flagrante delito ou desastre, ou para prestar socorro, ou, durante o dia, por determinação judicial;"
    Então não há o que se discutir meus caros, não quer dizer que o Juiz é maior que a lei, como disseram alguns colegas anteriormente, o que acontece aqui foi que a Lei Maior a nossa constituição deu essa prerrogativa ao Magistrado e essa condição para que o domicílio ser violado, e não é a constituição maior que qualquer lei?
    Então isso aqui não há o que se discutir, em qualquer caso, para se arrombar uma casa é necessário a autorização do Juiz, mesmo que a lei diga que não e o arrombamento deve ser feito durante o dia!

    Responder Excluir
  38. Anônimo 13 de julho de 2015 03:12

    O arrombamento é possível nos mandados de busca e apreensão e despejo, mesmo sem autorização expressa, uma vez que a lei autoriza. Tais dispositivos não conflitam com o art. 5º, XI, da CRFB, pois a ordem de busca e apreensão é do magistrado, que, por força de lei, autoriza desde já o arrombamento.
    De forma contrária, o legislador regulou o procedimento de penhora, situação na qual o Oficial deve necessariamente solicitar expressa autorização do magistrado.
    Concordo que há um dilema quanto ao chaveiro ou a força policial. Não devemos pagar chaveiro com nosso dinheiro e a Polícia não efetua arrombamento se não houver ordem expressa para eles neste sentido.

    Responder Excluir
  39. sfsd 17 de julho de 2015 00:49

    Coach Outlet Online,
    Michael Kors Outlet Online,
    Ralph Lauren Outlet Online,
    Longchamp Outlet Online,
    MCM Outlet Online,
    Oakley Outlet Online,
    Ugg Boots Sale,
    Coach Outlet,
    Burberry Outlet,
    Toms Outlet Online,
    Chanel Outlet Online,
    Oakley Outlet,
    Coach Handbags Outlet,
    Michael Kors Handbags Outlet,
    MCM Handbags Outlet,
    Gucci Handbags Outlet,
    Burberry Handbags Outlet,
    Michael Kors Outlet,
    Burberry Outlet,
    Nike Outlet,
    Ralph Lauren Outlet,
    Ray Ban Outlet,
    Nike Shoes Outlet,
    Air Huarache UK,
    Air Max Shoes Outlet,
    Toms Shoes Outlet,
    Coach Bags Outlet,
    Nike Air Huarache
    ugg boots outlet
    polo outlet online
    The North Face Outlet
    Michael Kors Outlet Canada
    MCM Backpack
    Nike Outlet
    polo outlet
    Gucci Outlet
    New Balance Shoes Outlet
    Coach iPhone Cases
    Coach Online Outlet

    Responder Excluir
  40. Gege Dai 22 de julho de 2015 02:50

    15.07.22daigege
    mcm outlet
    michael kors outlet
    air max shoes
    michael kors
    snapback hats wholesale
    coach outlet
    soccer shoes
    ray ban sunglass
    michael kors
    coach outlet online
    prada handbags
    burberry outlet online
    louis vuitton pas cher
    kate spade
    christian louboutin outlet
    true religion outlet
    ed hardy
    coach outlet store online
    gucci outlet
    ralph lauren uk
    oakley sunglasses
    cheap ray ban sunglasses
    hollister clothing store
    borse louis vuitton
    coach outlet online
    ray ban wayfarer
    kate spade bags
    polo ralph lauren outlet
    oakley sunglasses outlet
    nike tn pas cher
    kate spade uk
    cheap oakley sunglasses
    michael kors outlet
    gucci uk
    coach outlet
    ralph lauren
    louboutin
    abercrombie outlet
    snabacks wholesale
    chaussure louboutin

    Responder Excluir
  41. Anônimo 15 de novembro de 2015 03:49

    um carro não passa nem pela porta nem pela janela. Investiguem antes o local e quem realmente é a pessoa e o que aconteceu, a corda estoura sempre do lado mais fraco: vocês . Busca e apreensão está se transformando em Roubo com autorização judicial. AH! quanto aos Juízes, seria ótimo que eles lessem o processo antes de dar sentenças para vocês executarem. Que os advogados arrebentem as portas e janelas, assim quem pagará o prejuízo serão eles, como eles nunca vão com vocês. Mais cuidado não faz mal a ninguém

    Responder Excluir
  42. Anônimo 15 de novembro de 2015 04:12

    estava saindo desta pagina e acabei lendo alguns comentários entre vocês. A Constituição e o Código de Defesa do Consumidor até hoje não são aplicados. A alienação fiduciária se baseia no dec911/69 ,época da tão criticada Ditadura Militar, Muitos Decretos vieram depois, Leis, MPs mas isso não interessa "aos supostos credores" Eles pegam o Decreto, copiam, mudam "mudam alguns detalhes", mandam para o Juiz que estão atolado de processos e expede o mandado e joga na mão de vocês. Se vocês cumprirem todos os mandados de Busca e Apreensão por inadimplência, nos dias de hoje ,com o desemprego, o pagamento das consta que andaram fazendo, SP vai virar estacionamento judicia e as fábricas de carros vão fechar, Se O Juiz não lê o que os advogados escrevem, leiam vocês, afinal é a vida de vocês que está em jogo. Papel aceita tudo e nem tudo que parece é. Espero que vocês tenham captado a minha mensagem. A palavra DESCULPA não vai ajudar depois do estrago, e os advogados vão estar bem longe de vocês. Sorte para todos.

    Responder Excluir
  43. João Moritz 12 de dezembro de 2015 05:29

    Concordo com os colegas que argumentam que a ordem de arrombamento é inerente aos mandados de busca e apreensão (somente a eles), logo, desnecessária autorização expressa. No mais, é evidente que um chaveiro (custeado pelo interessado) ou a força policial deve providenciar o arrombamento e ninguém deve pagar de herói.
    Cabe ressaltar que o novo CPC altera o procedimento da busca e apreensão. Com a nova lei, haverá necessidade de solicitar autorização expressa para o arrombamento, tal qual ocorre com os mandados de penhora (vide arts. 536, §2º e 846 do NCPC).

    Responder Excluir
  44. sergio 15 de dezembro de 2015 13:55

    É fácil o juiz falar que estava implícito, depois a parte acusa o oficial de invasão e abuso de autoridade , o juiz não vai segurar a bucha, principalmente se for no Estado de SP que a corregedoria entende tudo contra o oficial, o que muitos colegas chamam de in dubio contra o oficial.
    Nesse caso os três errados, Advogado que deveria ter solicitado na petição a ordem de arrombamento e reforço; o oficial que deveria ter retornado ao fórum solicitando a ordem diretamente ao juiz; e os juízes que determinam esse tipo de diligência(Busca, reintegração, penhora etc) sem a ordem de arrombamento e ofício policial, como diz criticar o oficial é fácil.

    Responder Excluir
  45. Anônimo 21 de janeiro de 2016 01:14

    Infelizmente na nossa profissão deparamos com a contrariedade de todos quando algo não sai como esperado. Códigos, Leis, Decretos, Normas, entendimentos, tudo conspira contra o Oficial de Justiça quando as coisas não dão certo, por que que o OJ não fez assim, não fez assado, estava implícito? (Risos). A prática muito difere da teoria, principalmente no Estado de São Paulo, aqui o OJ come o pão que o diabo amassou, mastigou e vomitou, a começar pelo famigerado Reembolso de Gastos com Diligências Gratuitas, onde o OJ primeiro paga para trabalhar para depois de 45 a 60 dias tenta a sorte para receber, onde o OJ utiliza seu próprio veículo a disposição do serviço público e o Reembolso e' meramente de combustível, onde o OJ percorre 90 km e so' e' reembolsado por 15km, cujo cálculo de km e' por LINHA RETA (absurdo) e e' reembolsáveis somente a IDA (parece piada, mas e' a pura realidade), onde o magistrado determina que o OJ faça a citação ou intimação por hora certa (sendo que o correto e' a critério do OJ), nesse caso, como em todos os casos entendo que DEVERA O OFICIAL DE JUSTICA AVALIAR AS CONDICOES E CUMPRIR OU NAO O MANDADO, POSITIVAR OU NEGATIVAR PARCIALMENTE OU INTEGRALMENTE A DILIGENCIA, CERTIFICANDO O OCORRIDO E NAO SER PASSIVO DE PUNICOES PELO SUAS DECISOES DESDE QUE JUSTIFICADO O ATO E NAO HAVENDO COMPROVACAO IRREFUTAVEL DE DOLO.

    Responder Excluir
  46. sadf 22 de janeiro de 2016 00:35

    After cock crow three times, Hyperdunk 2016 invigorating reading voice heard: "hoe Wo day when the afternoon,
    sweat Wo soil who knows dishes on the menu, A Journey.." Hyperdunk 2015 Low, and soon put the poem by heart , but he always felt that without a thorough understanding of the mood of poetry:
    in the end how hard every grain of it?
    The next day,Hyperdunks 2016 came to her house to play. Meal, he looked at the flower of rice and asked: "?
    Chiang Mom, this rice is how come it" the mother smiled and told him:. "Chung rice is rice into rice covered with a layer of hard yellow shell. His life to go through soaking, field seedlings, fertilizer management, in addition to disease and pest control, harvesting, threshing, until Chung into the rice. "" eat this bowl of rice, so easy ah!
    "Zhou Enlai said surprised. "Yes, this ten pass, how many people farming tired of it." Jiang mother said with deep feeling.
    Hyperdunks 2015 some teachings, not only deepened the understanding of Zhou Enlai poetic, but also inspired him to study hard.
    In order to have a good penmanship off, he in addition to earnestly fulfill teacher assignments, but also insist on practicing every day a hundred characters.
    One day, Chen Zhou Enlai with the mother to a relative's house, back when Hyperrev 2016 are late in the night. Along the way, tired, young Enlai has been exhausted, yawns, but still insists he had finished one hundred characters and then rest.
    Hyperdunk 2015 seeing, distressed, however, advised: "! Tomorrow write it" "No, that day things day of" Zhou Enlai head buried in a pot of cold water, all of a sudden the Sleepy sent packing!. Has just written a hundred words, Chen mother grabbed pen Enlai said:!! "Erupted okay,
    fast asleep," "no" Zhou Enlai carefully read the ink was dry on the hundred characters, frowning, he said: "Chen mother, you see the word written crooked."
    Forber driving technology is very skilled, but look out,Cheap kobe shoes belongs to the kind of law-abiding,
    and Lin Yiping when learning is not a routine. Kobe 11 Shoes is more likely to learn the car, no way, the old man's home is a famous saying,
    beat not your fault, but still can not hide that fight deserved luck.
    Therefore, Lin Yi learned a lot of effort to escape, although these kung fu used only for the old man a person, in front of other people, other people are running out of it.
    "Kobe 10 Shoes, you'll drive it?" Fu Bo, when the traffic lights, looked at his side sat quietly Lin Yi asked.
    Kobe Shoes 2015 is an old driver, the Man could not see very accurate, generally someone sitting in the car,

    Responder Excluir
  47. dong dong23 7 de abril de 2016 03:46

    nike air max
    louis vuitton handbags
    ralph lauren polo outlet
    jordan 13
    ed hardy clothing
    true religion outlet
    michael kors outlet
    michael kors outlet
    adidas outlet store
    michael kors bags
    michael kors bags
    michael kors outlet
    ray ban sunglasses
    kate spade handbags
    hollister uk
    toms
    coach factory outlet
    oakley outlet
    louis vuitton handbags
    kate spade
    true religion
    north face outlet
    jordan shoes
    nike free run 2
    christian louboutin outlet
    kobe 11
    timberland boots
    jordans for sale
    louboutin pas cher
    coach outlet
    adidas superstar
    christian louboutin
    fitflops
    toms shoes
    lebron james shoes 13
    louis vuitton outlet
    louis vuitton outlet
    ralph lauren sale
    kate spade outlet
    gucci outlet
    20164.7wengdongdong

    Responder Excluir
  48. Anônimo 28 de dezembro de 2016 12:59

    Bom dia.
    Eu coloquei à disposição de qualquer pessoa que precisa de dinheiro para comprar uma casa projeto de construção, um carro ou andar de socity prope, empréstimos, dinheiro a partir de € 5.000 a € 9.000.000 a um juros de 2% ao ano por um período de reembolso de 1 a 50 anos.
    E-mail: empruntlibre09@gmail.com

    Responder Excluir
  49. Anônimo 28 de dezembro de 2016 13:00

    fácil acesso para todos a 24 horas
    Olá! Esta mensagem é destinado para aqueles que precisam de um empréstimo para iniciar, para realizar uma tarefa ou resolver urgente. Fazemos empréstimos que variam de 1 mês a 30 anos pagam € 3.000 a € 5.000.000, ?? Nossa taxa de juros é de 2% ao ano. Não incentivados a bater a nossa porta para o nosso (empréstimo) em caso de emergência as áreas onde nós podemos ajudá-lo:
    * Finanças
    * Home Loan
    * Pronto para investimento
    * Auto empréstimo
    * Consolidação da dívida
    * Aquisição de crédito
    * Empréstimos pessoais
    * Você submetido
    Email: empruntlibre09@gmail.com

    Responder Excluir
  50. Anônimo 28 de dezembro de 2016 13:01

    Olá Sr. e Sra
    Esta mensagem é para os indivíduos para quem precisa de um empréstimo especial para reconstruir suas vidas. Você está pronto para descobrir ou reviver as suas actividades, quer para um projeto, ou para comprar um apartamento, mas você está proibido bancário ou o seu caso foi arquivado no banco. Eu sou um indivíduo, eu conceder empréstimos que variam de € 2.000 a € 900.000 para qualquer um que são capazes de cumprir as condições. Eu não sou um banco e eu não requerem uma grande quantidade de documentos a confiar em você, mas você deve ser uma pessoa Fair, honesto, seguro e Sage. Eu dou o crédito a todas as pessoas. Minha taxa de juros é de 2%. Se você precisar de dinheiro, por outras razões, não hesite em contactar-me para mais informações. Estou disponível para atender a meus clientes em um máximo de 3 dias de receber o seu pedido. Se você estiver interessado, contacte-me para mais informações.
    E-mail: empruntlibre09@gmail.com

    Responder Excluir
  51. raybanoutlet001 6 de março de 2017 21:53

    nike air force 1
    chiefs jersey
    michael kors handbags